Principal Categorias Matérias Simpatia e Competência: a história de uma secretária de sucesso

Simpatia e Competência: a história de uma secretária de sucesso

6 minutos para ler
0
564
Simpatia e Competência: a história de uma secretária de sucesso

Passar a maior parte da semana cercada por pilhas de papéis com Ofícios, Atas, Requerimentos e Projetos foi a rotina de Leony Camargo por 35 anos. Aprovada em Concurso Público em 1977, nas últimas três décadas ela carregou a responsabilidade de responder pela Secretaria Geral da Câmara Municipal de Guarapuava. Sempre prestativa e com um sorriso no rosto, a Secretária teve sua competência admirada por Vereadores, Funcionários e pelas pessoas que frequentam o Legislativo Municipal. “Amava o que eu fazia na Câmara. Lá era a continuação da minha casa”, revela.

Durante o tempo em que esteve no serviço público, Leony assistiu de perto todas as mudanças que ocorreram na Câmara Municipal e precisou se adaptar a muitas delas, como a transferência de toda estrutura do Legislativo do Edifício Nossa Senhora de Belém para sua sede própria e a diminuição do número de representantes na Casa, de 21 para 12 e, posteriormente, a volta para 21 vereadores. “Teve uma época que tínhamos Sessões quatro vezes por semana. Como uma das minhas atribuições era preparar toda matéria do dia, eu trabalhava até a noite”. Apesar do dia agitado, Leony soube como conduzir carreira, lazer e a criação dos filhos. “Hoje a mulher tem conquistado muito coisa. Acho que temos que nos realizar tanto na família como no trabalho”, comenta.

Como funcionária pública, Leony conseguiu algo raro: estabelecer uma relação de respeito e amizade com todos os Vereadores que passaram pela Câmara, independente de seus posicionamentos políticos e partidários. “Sempre tratei todos de maneira igual, pois dentro da Secretaria da Câmara você não pode pender para nenhum lado. Isso fez com que eu tivesse amizade com todos e um elo com suas famílias, pois sempre fui convidada para o aniversário dos netos, casamento dos filhos”.

Em maio deste ano, Leony se aposentou. Mas antes de deixar a Câmara ela foi agraciada pelos Vereadores com o Diploma de Mulher Cidadã, concedido durante Sessão Solene realizada no mês de março. “Foi uma grande surpresa. Como de costume, preparei toda Sessão e nem por um segundo imaginei que também fosse ser homenageada. Fiquei muito feliz porque os Vereadores demonstraram que o que eu fiz não foi em vão. É uma vida de dedicação”. Essa não foi a primeira homenagem que Leony recebeu, em outras ocasiões o valor de seu trabalho já havia sido reconhecido por entidades como a Maçonaria, o Rotary, o Clube Soroptimista e pela própria Câmara, durante a inauguração de sua sede.

E se engana quem pensa que após a aposentadoria Leony está levando uma vida apenas de sombra e água fresca. Ela tem ocupado seus dias com coisas que lhe fazem bem, como a dança nos encontros dos Grupos da Terceira Idade e o trabalho voluntário no Hospital São Vicente e na ACCOPEC. “Eu não consigo ficar parada. Acabei de ser eleita a Miss Simpatia no Sétimo Festival da Terceira Idade e agora estou ajudando o pessoal da Câmara a preparar a Sessão Solene em homenagem aos 100 anos do Hospital São Vicente”, diz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Coisas para fazer em Guarapuava

Fevereiro mal começou e ao contrário de janeiro, está voando! Apesar da semana ter sido rá…