Principal Categorias Matérias Mariza Rocha Voos que mudaram uma vida

Mariza Rocha Voos que mudaram uma vida

7 minutos para ler
0
913
Mariza Rocha Voos que mudaram uma vida

Ao descobrir o interesse da empresa de aviação Varig em investir em Guarapuava, Mariza Rocha vislumbrou a possibilidade de abrir uma agência de viagens na cidade. Assim ela decidiu embarcar no mundo da aviação e em 37 anos de atuação no mercado viu sua empresa se tornar uma referência para Guarapuava e região no setor de turismo. Naquela época a Varig era a maior empresa do ramo no Brasil. A princípio os executivos procuraram seu pai, o senhor Oswaldo Rocha, pelo prestígio que ele tinha na cidade, mas por causa dos muitos compromissos, ele recusou. Então, Mariza pediu para que ele retornasse o contato, pois tinha interesse em investir no setor.

Em pouco tempo, Mariza conseguiu instalar o primeiro escritório de venda de passagens aéreas de Guarapuava, em uma sala junto à loja comandada por seus pais, a Casa Real. O espaço funcionava como uma agência da Varig, onde também se vendiam bilhetes das companhias Cruzeiro do Sul e Rio do Sul.

Mariza recorda que quando começou a atuar na área, os bilhetes eram preenchidos à mão, muito diferente do que acontece hoje, especialmente por conta da informatização dos processos de compra e venda de passagens. A empresária relembra ainda que naquele período Guarapuava tinha um número considerável de indústrias, o que ocasionava uma grande procura dos executivos por voos nacionais e internacionais. Esse fato contribuiu muito para o crescimento de sua agência de viagens.

Atualmente, viajar de avião é algo bastante comum, primeiro pelos pacotes de viagens, com preços mais acessíveis, e também pelas inúmeras comodidades em comparação com os meios terrestres. Contudo, há algum tempo atrás, locomover-se de um lugar para outro por vias aéreas representava glamour e status. Para se ter uma ideia, os voos da Varig serviam até caviar para os passageiros da primeira classe. Por isso, como agente da companhia, Mariza estava acostumada a fechar pacotes com voos fretados que saiam de Curitiba com destino a diversos pontos turísticos, como por exemplo Miami, onde os grupos visitavam os Parques da Disney. “A Disney realmente é um lugar mágico. Todas as vezes que fui pra lá me emocionei”, confessa. Através dessa atividade Mariza conheceu lugares que guarda na memória com muito carinho.

Com o declínio da Varig no início dos anos 2000, e com o seu posterior fechamento, a empresária deixou de atuar como agente da companhia e seu empreendimento passou a ter o nome de Mariza Turismo. Dentro da agência, ela se responsabiliza tanto pela compra de passagens como pela busca de pacotes que possam suprir todas as necessidades dos clientes como reserva em hotéis, aluguel de carros e compra de ingressos para passeios e programas culturais. “Meu objetivo é sempre atender o cliente da melhor forma possível, para que ele saia satisfeito. Muitos deles já me acompanham há anos, e nossa afinidade é tanta que já sei até qual o número da poltrona em que eles preferem viajar”, comenta Mariza.

Além do esforço pessoal, Mariza acredita que seu sucesso profissional se deve muito ao espelho que teve em casa. Filha do casal de empresários Alzira e Oswaldo Rocha, ela revela que teve uma criação baseada no afeto mútuo. “Meu pai era um homem extremamente amoroso conosco. Lembro que quando éramos crianças ele nos ensinava a fechar o caixa da loja. E minha mãe é uma mulher exigente, mas ao mesmo tempo muito carinhosa, que nos educou de forma maravilhosa. Agradeço todos os dias por ser filha deles”, afirma.

Não foram apenas as lições de respeito e responsabilidade que Mariza aprendeu com os pais. A fé, que a guia em todos os passos, foi o principal legado que ela herdou deles. E foi graças à devoção e crença em Deus que a empresária conseguiu superar os problemas e dificuldades familiares. “Acredito e confio muito em Deus, pois sei que Ele está sempre comigo. É a fé que me deu e me dá forças para continuar todos os dias”, enfatiza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Coisas para fazer em Guarapuava

Fevereiro mal começou e ao contrário de janeiro, está voando! Apesar da semana ter sido rá…