Principal Sem categoria Nanda Novak Fotografia Feminina

Nanda Novak Fotografia Feminina

7 minutos para ler
0
561

O que você tem de diferente é o que você tem de mais bonito!

 

Nanda cresceu dentro do mundo fotográfico. Seu pai, Demétrio Novak, trabalha no ramo há 28 anos. Ainda na infância, costumava acompanhar sua maior referência no laboratório de fotografia analógica, observando atentamente cada detalhe e se encantando ao ver as fotos reveladas no papel. Aos 14 anos, foi presenteada com sua primeira câmera compacta digital, o que despertou sua curiosidade e criatividade. Assim, Nanda passou a fotografar cenas cotidianas e aprender com o autorretrato, o que mostrava aos parentes e amigos sua afinidade com o mundo das artes. Desse modo, com 15 anos, começou a trabalhar no estúdio fotográfico de seu pai situado em Turvo – PR, era o início de uma história de amor com o que se tornaria sua profissão.

Ao chegar no terceiro ano do Ensino Médio, a jovem decidiu que se aperfeiçoaria na área e cursou Tecnologia em Fotografia na Universidade Tuiuti do Paraná. “Quando comecei a frequentar as aulas percebi que estava no caminho certo, dia após dia a fotografia ganhava mais espaço na minha vida e meu amor por ela só aumentava. Costumo dizer que a fotografia tornou a maior realizadora dos acontecimentos que me cerca. Eu estudava fotografia, trabalhava com fotografia, meus amigos eram fotógrafos também, eu realmente respirava fotografia”, comenta Nanda. Após concluir a graduação resolveu aprimorar ainda mais seus conhecimentos e então fez Pós Graduação em Fotografia e Imagem em Movimento na Universidade Positivo. “Senti que precisava ir além, queria ter um diferencial. Além da técnica minha vontade era aprender a parte teórica, artística e toda a história envolvendo essa arte”, lembra. A partir daí seus horizontes expandiram, em 2013 trabalhou no Instituto Federal do Paraná campus Curitiba no curso de Processos Fotográficos onde ensinou e aprendeu ainda mais.

Para a profissional essa área exige estudos constantes, é preciso de atualização diária, aprimorar as técnica e a percepção visual. Por isso, Nanda já participou de diversos congressos e está sempre participando de eventos, feiras, exposições e workshops para estar sempre por dentro de todas as novidades do seu meio de atuação. Seu intuito futuramente é ensinar outras pessoas a fotografar. “Tenho vontade de repassar meu conhecimento e inspirar outros fotógrafos, nossa profissão é apaixonante, exige muito esforço e dedicação mas a recompensa pessoal (emocional) é muito valiosa”, afirma.

Atualmente, com 26 anos, está se reinventando no meio fotográfico. “Senti a necessidade de criar a minha marca, com minha identidade. Trabalho junto com meu pai mas agora tenho meu próprio negócio, com meu nome”, aponta. Entre os trabalhos que realiza estão os ensaios de noivas, gestantes e casais. Porém, seu foco principal é a fotografia feminina, que visa empoderar ainda mais as mulheres, buscando retratar a beleza de forma delicada e intuitiva. A profissional considera seus ensaios como um instrumento de preservar ou alavancar a autoestima. Acredita que a beleza está em ser você mesma e que o momento para ser fotografada é o agora. O final da experiência do ensaio fotográfico resulta que a mulher se perceba em outra perspectiva, se veja através do olhar da fotógrafa sobre cada uma.

Seu trabalho é personalizado do início ao fim, Nanda auxilia a modelo na escolha de roupas, na locação que mais se encaixa com sua personalidade, guia a modelo no dia da sessão e no fim a pós-produção. A entrega dos materiais e o cuidado com as embalagens é outro destaque que tem deixado o serviço ainda mais único.

Atualmente fotografa em Guarapuava, Turvo, Pitanga e toda região. Sair da sua zona de conforto faz com que sua criatividade seja aguçada. Por isso, cada ensaio fora de sua cidade se torna único, pois cada dia e lugar é uma nova surpresa. No final de cada trabalho, a profissional se sente realizada com o que escolheu para sua vida e segue com amor essa jornada de tornar momentos marcantes ainda mais especiais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Coisas para fazer em Guarapuava

Fevereiro mal começou e ao contrário de janeiro, está voando! Apesar da semana ter sido rá…